[ editar artigo]

Resumo e dicas do Congresso Digital Arquitetura + Design no Clubhouse

Resumo e dicas do Congresso Digital Arquitetura + Design no Clubhouse

Nos últimos dias 23 e 24 de fevereiro, estive no CLUBHOUSE com uma série de profissionais de diferentes áreas para falar sobre três tópicos: TRENDS, MERCADO e CONSUMIDOR.

O resultado foram discussões pontuais e riquíssimas em dicas para que possamos seguir adiante aprendendo a observar e agir juntos nestas mudanças todas que encontramos no mundo.

O primeiro dia tratou de falar sobre TRENDS e o grande resumo com séries, documentários e até mesmo pessoas para seguir você encontra em um post no meu Instagram. Clique na imagem abaixo.

Este encontro e reflexões couberam pensamentos dos profissionais em destaque abaixo:

O segundo dia concentrou mais detalhes sobre o MERCADO e também o CONSUMIDOR.

O encontro que falou sobre o MERCADO e suas leituras atuais e futuras, trouxe a visão imobiliária com os participantes, marcados logo abaixo:

- Haverá um BOOM Imobiliário?

Os estoques estão baixos e as construtoras começam a subir novos empreendimentos já com a demanda do "novo consumidor";

- Muito mais atento à SUSTENTABILIDADE, em ter menos e com máxima qualidade, sendo hedonista ao ponto de usufruir ainda mais da NATUREZA, com a biofilia acoplada nos projetos de interiores e exteriores;

- A demanda segue para o ACONCHEGO, por isso o feito à mão e que traga histórias são o destaque nos produtos para este mercado, que também encontra na iluminação respostas para esta nova vida;

- A POPULAÇÃO está envelhecendo e também diminuindo de tamanho, com índices em pesquisas recentes trazendo que ao menos no Brasil houve menos nascimentos ao se comparar com outros anos no mesmo período;

- Isso faz com que o mercado de adeque nos PRODUTOS trazendo soluções como a Construtora Laguna em Curitiba/PR com um empreendimento voltado ao público senior e outros cases que retratam esta realidade presente/futura, como o PINAH, empreendimento que destaque o Paranismo, movimento que levou para o Brasil símbolos que hoje são reconhecidos do estado do Paraná - conheça aqui mais sobre o empreendimento PINAH;

- Outro ponto importante são as GERAÇÕES muito mais dinâmicas, em movimentos nômades e antenadas em diversas formas de investimentos, impulsionadas no Brasil pela XP Investimentos em 2020 com a pandemia.

 

Já com o encontro que falou sobre o CONSUMIDOR, a discussão trouxe os profissionais abaixo e os temas, também deixados como destaque:

- Estamos mais exigentes?

- A NRF 2021 pela primeira vez foi realizada em dois momentos e de forma online, trazendo termos como o Zoombombing - ou o cansaço das reuniões de zoom e lives e tudo mais. Isso trará para o universo offline uma reconexão com o seu consumidor de uma forma mais autêntica e com experiências, alterando termos de PDV para PDE, tendo a palavra experiência ao final;

- Mesmo em um momento em que a LGPD está em alta, os consumidores respondem que se é para seus próprios benefícios em MOMENTOS ÚNICOS, eles concedem o uso dos dados para as marcas/empresas/negócios;

- Assim surge um papel de LIDERANÇA que deve ser de responsabilidade de todos nós que mantemos contato direto com o público e com o mercado, ao guiar tanto os funcionários quanto os clientes às (novas) descobertas;

- Que levanta a CASA como refúgio, como escola, trabalho e lazer ao mesmo tempo, convivendo com diferentes gerações em busca de produtos mais e objetos que fazem sentido, levando até a compra de itens mais caros, sem se importarem com o preço, desde que foquem no real significado de compra.

- Para isso, a PERSONALIZAÇÃO, que é item desejado por mais de 84% dos consumidores entrevistados nos EUA recentemente pela Salesforce, é a grande chave e resposta para este varejo 5.0, com o indivíduo vivendo as experiências no primeiro, segundo e terceiro PLACES - que você pode encontrar mais em um TRENDBOOK 2020 disponibilizado pela SCHATTDECOR Aqui;

- Isto também está muito ligado ao reconhecimento do nosso entorno com o LOCAVORISMO e até mesmo o REGIONALISMO que toma cada vez mais sentido enquanto consumimos marcas adoráveis e que espalham seus conceitos com love marketing criando love brands;

- Ainda há muitas oportunidades e transformações em jogo, para isso, admirar empresas como Magazine Luiza, Westwing, Mercado Livre e Madeira Madeira, que entre todas as possibilidades resgatam os pequenos prazeres para a casa, podem trazer insights para nosso dia a dia;

- Tudo isso ainda é o começo de um verdadeiro sentido que se fará em até 4 anos após 2020.

Mais sugestões

E para finalizar, todos compartilharam dicas para seguirmos aprendendo, entre as principais.

Compartilhe as suas também nos comentários abaixo ou envie este conteúdo para seus conhecidos pelas redes sociais ou WhatsApp. Vamos fazer com que bons conteúdos continuem a chegar para boas pessoas.

http://www.consumoteca.com.br/

https://ofuturodascoisas.com/

https://www.netflix.com/br/title/81332418

Movimento TOPVIEW
Adriano Tadeu Barbosa
Adriano Tadeu Barbosa Seguir

Sou um profissional do pensamento e da prática, um comunicador que busca movimentos do Mercado de Luxo para diferenciar pessoas no Marketing Pessoal, desde 2006, com aprovações nacionais e internacionais e conteúdos em diversos formatos.

Ler conteúdo completo
Indicados para você