[ editar artigo]

Curitiba e o movimento que a levou a estar no Smart21 com as 21 comunidades mais inteligentes do mundo

Curitiba e o movimento que a levou a estar no Smart21 com as 21 comunidades mais inteligentes do mundo

Curitiba é uma das capitais brasileiras em movimento constante, e uma das responsáveis por ele é Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, onde trabalha em duas frentes importantes: o apoio ao empreendedorismo e ao desenvolvimento econômico da cidade, e o estímulo à inovação, representando o poder público municipal no Vale do Pinhão -  "o movimento do ecossistema de inovação da cidade", palavras dela própria.

Em busca de inspiração, conversei com ela, que acredita que o futuro está na colaboração, como esta comunidade, em movimento.

Se você procura no Google a palavra "Curitiba", vai encontrar aproximadamente 105.000.000 resultados. Conteúdos para anos de estudos e referências. Com certeza um sucesso que motiva muitas pessoas a terem a cidade como referência. 

A que você deve esta referência, Cris?

Cris Alessi: A marca Curitiba é sem dúvida um grande fator. Nossa cidade é muito
respeitada mundo afora por suas inovações, seus programas, planejamento urbano e a excelente administração municipal.

Aliando isso ao movimento Vale do Pinhão, em que empresas e universidades importantes trabalharam de forma integrada pela inovação, nosso trabalho também alcançou resultados importantes e com credibilidade, o que me levou também ao Fórum Inova Cidades, do qual sou presidente nacional.

Procuro participar ativamente dos debates nacionais e internacionais que afetam as causas e as instituições que são representadas pelo Vale do Pinhão. Uma oportunidade, um desafio e uma imensa responsabilidade.

Você traz muito a inovação para seu trabalho, o que é ser inovador?

Cris Alessi: Sim, penso nisso o tempo todo. É uma determinação dentro de toda a estrutura do Município, trabalhar com a inovação. Revendo minha história hoje, percebo que a inovação sempre me atraiu. Procuro acompanhar tudo que está
acontecendo no mundo, é uma parte essencial do meu trabalho na Agência
Curitiba
.

Ser inovador é ser curioso, é querer saber ou criar outras formas de fazer as coisas, para que elas sejam melhores, mais eficientes e beneficiem mais pessoas. Isso é essencial na inovação, o compartilhamento.

A inovação pode ser genial, mas só é significativa se puder ser compartilhada, puder beneficiar as pessoas.

De onde vem esse constante movimento da Cris Alessi?

Cris Alessi: Sou muito ativa, desde criança – fiz esportes minha vida inteira, trabalhos sociais, sempre tive uma turma grande de amigos. A publicidade como
profissão foi uma consequência do meu temperamento, acredito. Mudei com a
comunicação do mundo apenas off-line para o híbrido on/off
.

Meus pais me incentivaram ao empreendedorismo, tive mentores incríveis que me ajudaram a sempre olhar além. Meu marido e meus filhos me ensinaram (e ensinam diariamente) a focar em prioridades. Enfim, sou apaixonada pela oportunidade de aprender algo novo todos os dias.

E no tempo que está onde está, difícil será resumir os principais movimentos que conseguiu, mas gostaria que escolhesse 3 deles que mais obteve destaque e por quê.

Cris Alessi: O primeiro é o próprio Vale do Pinhão. Essa é uma grande conquista da cidade, conseguir integrar empresas, universidades, startups e instituições em
torno de um movimento de inovação, colaboração, trabalhando em sintonia e
em sinergia.

O Vale do Pinhão projetou Curitiba no mundo como uma Cidade Inteligente, Sustentável, Humana e Criativa.

Outro movimento foi o da inovação na gestão pública. A Agência Curitiba
conseguiu se consolidar como um importante ator e parceiro das demais áreas
no processo de inovação. Apoiando a transformação digital, a gestão
colaborativa de projetos, a inovação aberta e a mudança de mindset para a
inovação. Os reflexos são sentidos por toda cidade e, o mais importante, na vida
do cidadão curitibano.

O terceiro é a causa da diversidade, principalmente a de gênero. Em uma
posição de liderança tenho a obrigação de incentivar e lutar pelo protagonismo
feminino na sociedade.

Os números de mulheres em cargos gerenciais, no mercado de tecnologia e com salários desiguais ainda são preocupantes. Essa luta é de todos e deve ser tratada todos os dias.

Esse movimento também acontece dentro da Prefeitura, em que metade do quadro gerencial da equipe de governo é composta por mulheres secretárias municipal, um grande exemplo para o País.

Para os profissionais que encontram em você características que gostariam de desenvolver, quais delas você pode destacar?

Cris Alessi: O futuro está na colaboração. Estar aberto ao novo, aprender constantemente e fortalecer as conexões, acredito muito na força das conexões.

Ter uma boa pitada de inconformismo, isso nos leva a querer fazer as coisas,
fazer hoje e fazer melhor.

Acreditar na tecnologia e na inovação como ferramentas para melhorar a
qualidade de vida das pessoas, em quaisquer circunstâncias, sempre é
possível fazer mais e de uma forma diferente.

Para fechar, com você Curitiba tomou referências como Cidade Inteligente. E ser inteligente é também olhar adiante. Qual seu olhar e intenção daqui para frente que continuará Curitiba a ser reconhecida com inteligência?

Cris Alessi:  Essa frase da pergunta, “ser inteligente é também olhar adiante”, é muito feliz, resume muita coisa. Curitiba sempre teve essa característica, de planejar o presente e o futuro. Eu sozinha não fui responsável por Curitiba ser referência em Cidade Inteligente.

Primeiro que a inovação em Curitiba é uma tradição de mais de 40 anos, e depois porque as conquistas recentes vêm de um plano de governo e uma administração municipal que deram prioridade ao resgate da inovação curitibana.

Conseguimos fazer isso em diálogo com um ecossistema que nos apoia e é extremamente potente. Meu papel é representar o poder municipal nesse diálogo, que acho que é uma aliança que vai ser permanente e garantirá o compartilhamento das ações com toda a sociedade.

Tivemos vários prêmios nesses quatro anos, mas uma conquista importante é estar no Smart21, que reúne as 21 comunidades mais inteligentes do mundo.

Esse é o nosso norte, trabalhar em comunidade, compartilhar com todos o trabalho e os benefícios de uma cidade inteligente. Humanizar a inovação e potencializar os talentos e os negócios que são daqui. Da cidade que amamos tanto.

   Cris Alessi e o economista prefeito de Curitiba, Rafael Greca, em movimento

Conecte-se ainda mais com o movimento desta mulher incrível e inquieta, buscando sempre inovar. Acesse seu Linkedin AQUI.

Movimento TOPVIEW
Adriano Tadeu Barbosa
Adriano Tadeu Barbosa Seguir

Sou um profissional do pensamento e da prática, um comunicador que busca movimentos do Mercado de Luxo para diferenciar pessoas no Marketing Pessoal, desde 2006, com aprovações nacionais e internacionais e conteúdos em diversos formatos.

Ler conteúdo completo
Indicados para você